Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2014

Os chakras e o sintema endócrino

Imagem
OS CHAKRAS E O SISTEMA ENDÓCRINO



Os chakras catalizam energias vitais que enviam para os plexos (emaranhado de nervos ou regiões do corpo físico onde se concentram ou se entrelaçam vários nervos), sendo conduzidas para todo o organismo através do sistema nervoso. Conforme a região do corpo na qual se localiza, o Chakra tem capacidade de maior absorção de uma determinada medida de cada energia correspondente a uma cor, que é conduzida para o organismo através dos meridianos. Por isso a cada chakra é atribuída uma cor, uma pedra, uma tônica, um elemento da natureza. Mas que tipo de relação é esse e porque é tão importante citá-la? Bem, nosso corpo necessita de três tipos de "alimento" para manter-se vivo: alimento físico – comida sólida ou líquida, ar - que respiramos, e éter – bioenergia essencial à vida. Essa bioenergia, que está contida em cada parte de nossos corpos (físico e energéticos) e alimenta os chacras, percorre o caminho em ondulações e não em linha reta como as on…

A SOMBRA (Pitty)

Imagem
A SombraPITTY Pra quê dissimular?
Se ela me segue aonde quer que eu vá?
Melhor encarar e aprender com ela a caminhar
Não vou mais negar, por todo caminho, minha sombra está Eu quero saber me querer
Com toda a beleza e abominação que há em mim Isso nunca se desfaz
Enquanto há desejo, não há paz
Isso nunca se desfaz
Enquanto há desejo não há paz Eu quero saber me querer
Com toda a beleza e abominação que há em mim
Eu quero saber me querer
Com toda a beleza e abominação
Que há em mim

Uma letra extraordinária, falando de verdades profundas da condição humana. Essa compositora baiana está escrevendo o seu nome na história da música popular brasileira trazendo reflexões importantíssimas em torno de questões psicossociais e, por que não, psicossomáticas?
Nesta letra: "A sombra", Pitty não apenas demonstra um profundo conhecimento deste arquétipo junguiano, como revela seu comportamento. Explica a importância de olharmos para a própria sombra, ou seja, voltarmos a consciência para a…

MANTRA (Nando Reis)

Imagem
MantraNando Reis Quando não tiver mais nada
Nem chão, nem escada
Escudo ou espada
O seu coração
Acordará Quando estiver com tudo
Lã, cetim, veludo
Espada e escudo
Sua consciência
Adormecerá E acordará no mesmo lugar
Do ar até o arterial
No mesmo lar
No mesmo quintal
Da alma ao corpo material Hare Krishna Hare Krishna
Krishna Krishna
Hare Hare
Hare Rama
Hare Rama
Rama Rama
Hare Hare Quando não se tem mais nada
Não se perde nada
Escudo ou espada
Pode ser o que se for
Livre do temor Hare Krishna Hare Krishna
Krishna Krishna
Hare Hare
Hare Rama
Hare Rama
Rama Rama
Hare Hare Quando se acabou com tudo
Espada e escudo
Forma e conteúdo
Já então agora dá
Para dar amor Amor dará e receberá
Do ar, pulmão
Da lágrima, sal
Amor dará e receberá
Da luz, visão
Do tempo espiral Amor dará e receberá
Do braço, mão
Da boca, vogal
Amor dará e receberá
Da morte
O seu dia natal Adeus Dor
Adeus Dor
Adeus Dor
Adeus Dor Hare Krishna Hare Krishna
Krishna Krishna
Hare Hare
Hare Rama
Hare Rama
Rama Rama
Hare Hare





A CURA

Imagem
“Nós devemos ser a mudança que queremos ver no  mundo”                                                              (Mahatma Gandhi)




Antes de nos aprofundarmos em nossos estudos, alguns conceitos precisam ser novamente revistos; principalmente por estarmos no limiar de um novo tempo e desenvolvendo um novo modelo para o pensamento universal. Novas epistemologias elaboram formas de entender o mundo sem os dualismos que se ajustaram a mente humana como herança do paradigma científico que se estruturou a partir da renascença, entretanto, esses modelos sofreram abalos importantes, especialmente na pós-modernidade.

As partes deixaram de explicar o Todo, o pensamento sistêmico ganhou corpo e hoje o mundo passa por um processo de integração. Esse viés integrativo mostra-se presente em todo tecido social: as culturas se misturam, a tecnologia derrubou barreiras físicas, o tempo e o espaço estão no centro das grandes transformações do planeta e o pensamento contemporâneo caminha para um formato …

Captação Psíquica

Imagem
A captação psíquica é uma abordagem terapêutica que começou a ser usada no final dos anos 50. Na realidade é um conjunto de técnicas que fazem uso de procedimentos investigativos que acessam os conteúdos inexplorados do inconsciente de onde se expressam as representações autônomas, também conhecidas como complexos na psicologia analítica. Na verdade, são partes dissociadas da consciência que atuam na psique provocando desequilíbrios na economia da alma.
Essas forças, quando em conflito, trazem grande prejuízo ao ser humano como vimos anteriormente, por isso, dentro do ambiente terapêutico, foram se desenvolvendo mecanismos que captam esses blocos psíquicos para que se expressem e consigam trazer um alívio ao psiquismo do paciente. Desta forma, é possível promover uma maior compreensão do aspecto causal de suas neuroses. 
O terapeuta, com a ajuda de um sensitivo (médium), acessa esse conteúdos desajustados, que através da catarse e do diálogo fraterno, são ouvidos e podem, inclusive, …

Bem e mal

Imagem
O mundo, infelizmente, ainda se orienta por essa dicotomia: bem e mal. Vivemos em um eterno campo de batalhas contra o mal. Evitamos e retiramos do nosso meio tudo aquilo que consideramos inaceitável, que não se enquadra em nossos moldes sociais, e fazemos isso,quase sempre com repúdio e violência. Tratamos esses elementos como representações do mal e preservamos o bem com todos os recursos possíveis. O detalhe é que consideramos como bom apenas aquilo que está em sintonia com a nossa visão de mundo, pois agimos conduzidos por um programa de valores e crenças elaborado com princípios dualistas. Vivemos submersos em conflitos e orientados por modelos e regras morais ancestrais que se consolidaram em nossa consciência por influência das forças que sempre se impuseram com veemência sobre a humanidade. Forças politicas, religiosas, filosóficas e, até mesmo, científicas. 
Nada obstante vivermos em um tempo de integração, de consciência ecológica e estarmos desenvolvendo, ainda que muito …

O argueiro e trave no olho

Imagem
“Por que vês tu, pois, o argueiro no olho do teu irmão, e não vês a trave no teu olho? Ou como dizes a teu irmão: Deixa-me tirar-te do teu olho o argueiro, quando tens no teu uma trave? Hipócrita, tira primeira a trave do teu olho, e então verás como hás de tirar o argueiro do olho de teu irmão”.    (M 8,3-5)

Há no homem um mecanismo de defesa onde o sujeito expulsa de si sentimentos, qualidades, desejos e inclinações que não aceita possuir e desta forma passa a identificar nos outros os mesmos elementos que esconde e  despreza (em si). Conhecido como projeção, esse termo explica por que encontramos tantos “defeitos” nos outros, por que razão nos sentimos agredidos com o comportamento alheio e gostamos de patrulhar e evidenciar a postura reprovável de alguém. Na verdade, é uma forma de nos convencermos de que somos diferentes, ou não temos a mesma inclinação censurável com a qual nos deparamos no mundo externo, com isso, transferimos nossas fraquezas para o lado de fora, como se estivé…