terça-feira, 15 de outubro de 2019

Desperte o Leão que existe em você






Você é um leão, sempre foi, mas eles conseguiram te domesticar e você foi convencido a tornar-se dócil; desta forma, perdeu o seu trono, foi expulso do próprio reino e hoje vive assustado, como um cordeiro. É evidente que sendo um cordeiro você precisará de cuidados, por isso existem os pastores: para protegê-lo dos lobos.

Talvez você não se lembre, mas os lobos faziam reverência a você no tempo em que eras rei. Todos faziam, o mundo inteiro estava aos seus pés, mas você foi convencido a mudar, forças ocultas disseram pra você que você era fraco, impotente, incapaz, limitado e você foi acreditando, com isso, todo o seu poder foi sendo sutilmente minado.

No seu lugar ficaram os chacais, os mesmos que te hipnotizaram, hoje eles estão no comando, ele ditam as regras e conduzem os destinos do mundo. Você é apenas um cordeiro, nem se lembra mais dos tempos de glória, de vez em quando ainda ensaia uns rugidos, mas acaba suprimido pela vergonha de ser a fera que sempre foi, pois sua maior preocupação é ajustar-se às leis criadas pelos chacais. Eles criam as leis, padrões, modelos e normas que determinam como você deve agir, todo esse potencial que existe em você precisa ser controlado, pois para pertencer a esse mundo você precisa igualar-se aos outros. 

Você terceirizou suas escolhas existenciais, todos mandam em você, de todos os lados surgem orientações e você acaba sempre sendo enquadrado pelo sistema. Aquele leão poderoso ainda existe, mas você acredita piamente ser um cordeiro, ninguém consegue convencê-lo do contrário, o trabalho foi muito bem feito.

É preciso aceitar, pois os fracos dominaram o mundo e impuseram a sua moral, o mundo, portanto como dizia Nietzsche, é governado pela moral dos fracos. Você é um leão, não pode sentar-se mais no trono, é preciso adequar-se às exigência externas, é preciso ser fraco, adoecer e aceitar a canga dos chacais, afinal, são eles que mandam.

Não existe mais seleção natural, não entre os humanos, na verdade, irão sobreviver aqueles que despertarem maiores cuidados, aqueles que forem dignos de pena, aqueles que se aproveitarem de sua condição para angariar apoio e sensibilizar a maioria. 

Estamos na era da chantagem emocional, vivendo no império vitimismo, exaltando coitados e transformando covardes em heróis. 

Aquele leão já não existe mais, ficou velho e cansado, foi expulso do bando e vaga pela vida lutando contra a fome e o desprezo. 



Por que insistimos em negar a nossa Verdadeira Natureza?




Autor: Paulo Tavarez Terapeuta Holístico, Palestrante, Musico, Instrutor de Yoga, Pesquisador, escritor, nada disso me define.
Eu sou o que Eu sou!

2 comentários:

  1. Respostas
    1. Olhe pra você, mergulhe na sua própria essência, conheça a sua verdadeira natureza, se estiver difícil, procure um guru. Venha conhecer o nosso Instituto e participe dos nossos encontros as quintas-feiras onde temos estudos e praticas de meditação.

      Excluir

Ultimo Artigo

O que o Yoga não é

Yoga significa união. A raiz “jug” da palavra em sânscrito, significa jungir (unir). O propósito do yoga é a união com o Absoluto, a re...

Últimos artigos